Editorial


A folia do Carnaval, que aconteceu no dia 3 de março, mereceu, justificou e obrigou toda a estrutura da Freguesia a trabalhar todo o mês de fevereiro, para a melhor preparação do desfile.
Para além de quase todos os colaboradores ao serviço da melhor folia e com muitas horas de trabalho a mais registamos ainda e com muito agrado a boa colaboração recebida das treze Associações da Freguesia que auxiliaram na realização dos figurinos, alindamento do carro, ensaio geral e depois contaminaram com a alegria dos disfarces e das rábulas criadas para o efeito, todas as pessoas que quiseram colorir as ruas da cidade, numa boa tarde primaveril.
É um grande esforço também de cariz financeiro que as Freguesias e associações do Concelho fazem para, com a Câmara Municipal, proporcionar uns bons e simpáticos dias de festa de Carnaval. Com as tasquinhas, o bom desfile pelas ruas da cidade e depois o espetáculo final na Praça Luís de Camões.
Vale bem a pena ter a Freguesia quase que sitiada para cooperar neste bom cartaz da nossa cidade.
A Freguesia da Guarda esteve presente com cerca de 145 figurantes e mais de 40 pessoas colaboraram diariamente na preparação de tudo o que foi preciso concretizar para acontecer a folia associada ao tempo carnavalesco.
A todos o nosso penhorado agradecimento e reconhecimento pela entrega que testemunhámos dos dirigentes associativos, funcionários e a certeza que fizeram e construíram a festa do Carnaval de 2019.









 Junta de Freguesia


No âmbito da obra do novo cemitério da Guarda – Gare a Junta de Freguesia decidiu favorecer a melhor interligação entre o cemitério antigo e agora o que está a ser realizado, com o intuito de esbater as diferenças e permitir uma acessibilidade entre a parte mais antiga, a mais recente e aquela que estamos a edificar.
Com recurso aos colaboradores da Freguesia optámos por realizar a principal obra de ligação entre o edificado antigo e o novo.
Trata-se de derrubar os muros e refazer a devida ligação, suavizando os declives, num investimento que se iniciou em janeiro, se manteve em fevereiro e se prevê prolongar até abril.
Cremos ter sido uma boa decisão, facilitar a melhor articulação entre os diversos espaços do cemitério e também se tem revelado positivo desenvolvermos a obra com o recurso aos próprios meios da Freguesia; mas, decerto em prejuízo de alguns outros trabalhos!












 Trabalhos


No mês de fevereiro, devido à participação da Freguesia no desfile de Carnaval, os trabalhos foram alterados, ficando mais de metade dos trabalhadores afetos à realização de viaturas alegóricas.
Contudo, demos continuidade à obra do Cemitério da Estação: derrube do muro da parte mais antiga, colocação de pilaretes, aplicação de placas de granito e pavimentação com cubos, numa nova passagem criada entre as sepulturas e a futura grade.
À segunda-feira manteve-se a recolha de monos bem como do sobrante do corte de arbustos.
Estivemos ainda presentes em caminhos rurais na zona de Alfazares, tendo sido efetuado o corte de vegetação, que começava a dificultar a circulação pedonal e motorizada. Porém, registamos que o trabalho desenvolvido nos anos anteriores produziu os seus efeitos, visto agora a limpeza ser feita de forma mais rápida.
Também continuaram os trabalhos nas "Hortas da Guarda" – hortas comunitárias da Freguesia, tendo-se preparado mais lotes, de forma a corresponder às solicitações recebidas; algumas já satisfeitas, havendo outros talhões para entregar... E, já é visível o prenúncio da Primavera!













Notícias/Eventos


Com muita satisfação a Junta de Freguesia cooperou com a Câmara Municipal na exposição patente na galeria principal do TMG com o título "Guarda Mulher" e "Mulheres com Alma", que foi inaugurada no dia 23 de fevereiro numa bonita cerimónia.
A exposição apresenta-nos 43 rostos femininos, um por cada Freguesia, e que ilustram as cidadãs que tiveram e têm algum impacto na sua Freguesia, pelo seu empenho na vida empresarial, na labuta que desenvolveram, na vida associativa ou num determinado ofício.
A Freguesia da Guarda sugeriu o nome de uma cidadã que está ligada a várias décadas do quotidiano da nossa cidade e de todos conhecida como "Ti Jaquina".
Durante muitos anos manteve aberto um negócio de café na zona, hoje rotunda dos F's mas, no seu tempo conhecida precisamente com o seu nome.
O nome completo é Joaquina Reduto Cardoso Escada e agradecemos o facto de ter aceite o nosso convite.
As fotografias apresentadas são do jovem fotógrafo Miguel Silva e a todos os cidadãos recomendamos vivamente que visitem e ganhem muito tempo a apreciar os retratos apresentados.