Editorial

Comemorar os 40 anos do Poder Local é uma obrigação dos autarcas em funções.

Numa nova freguesia, como o é a nossa, esse dever assume-se com uma redobrada responsabilidade.

A evocação do primeiro ato eleitoral democrático para a escolha dos autarcas em 12-12-1976 é uma forma de relembrar e de agradecer a todos aqueles cidadãos que deram de si em favor das suas comunidades.
Mas, celebrar esta efeméride serve também para refletir e olhar, em cada uma das nossas terras, o que realmente devemos aos autarcas que corporizaram projetos de desenvolvimento e que democraticamente foram sufragadas pelos cidadãos.

A Freguesia da Guarda aprovou com um voto unanime dos membros da Assembleia de Freguesia o programa de ações cuja primeira iniciativa aconteceu a 29 de novembro com uma conversa em redor do percurso histórico-legal das freguesias.
Convidámos 4 ilustres cidadãos para apresentar o seu contributo e com uma sala cheia estabeleceu-se depois uma amigável conversa com os presentes que lotaram a sala do Café – Concerto do TMG.












Deliberações da Junta de Freguesia

A Junta de Freguesia deu mais um importante passo para qualificar a sua presença na esfera educativa da freguesia.


Avançamos com uma proposta inovadora junto dos agrupamentos e recebemos uma resposta unânime e favorável à intenção de colaborar com os docentes das turmas do 1º ano de escolaridade e principalmente com as crianças que estão a dar os primeiros passos na escolaridade obrigatória.
A ideia base é o recurso à Psicologia com a contratação de 4 psicólogos para apoio à inserção das crianças no 1º ciclo.


O Programa de apoio está a funcionar desde o início do mês e semanalmente, as crianças do 1.º ano e os docentes, recebem a visita de um psicólogo desenvolvendo um projeto de apoio que vai sendo aferido conjuntamente.






IMG_20161115_153339


IMG_20161122_144612


IMG_20161123_101048
Trabalhos

 

No início do mês novembro foi possível concluir os trabalhos programados para os 7 cemitérios sob a responsabilidade da freguesia.


Manteve-se, com o apoio do Município e no âmbito do "Contrato Cidade", a limpeza e regularização possível dos caminhos rurais/térreos da Freguesia.


A limpeza urbana das ruas foi outra constante, varrendo a folhagem, desentupindo valetas… Prevenindo que a água da chuva permaneça na via pública e gere problemas como o de uma área calcetada que cedeu e obrigou à realização dum pequeno muro de suporte, nas Barreiras.

Os cuidados com o espaço público exigiram ainda tratar de canteiros, semear/cortar relva, aparar arbustos… No que, contamos com a colaboração dum jovem estagiário do curso de jardinagem.


Houve magustos; mas, para além do convívio, houve trabalhos, correspondendo à solicitação de alguns estabelecimentos de ensino!


Imbuídos das “Boas Festas” que se aproximam, iniciamos as decorações de Natal: dos edifícios onde funcionam os serviços da Freguesia, de duas árvores (junto ao Museu e frente à Estação) e da "bola" para a árvore de Natal na CMG: usufruam da beleza desta quadra!







IMG_20161126_103724





IMG_20161126_131214

Notícias

 

Numa boa articulação entre a Junta de Freguesia e o Corpo Nacional de Escutas na Guarda decorreu, na véspera do dia da Cidade, a plantação de 125 árvores, nos terrenos da freguesia localizados em Alfarazes.


Carvalhos, Castanheiros, Aveleiras e Macieiras foram as espécies selecionadas para o trabalho árduo mas bastante divertido para as 40 crianças e jovens escuteiros que se agarraram às enxadas e sachos para firmarem as plantas ao solo.


Numa manhã onde pontuou presença a chuva, os jovens e os seus dirigentes realizaram uma caminhada primeiro e depois, com o apoio do projeto de localização das várias espécies, cavaram as covas e aí colocaram as plantas, futuras árvores, esperando que despontem, cresçam e dêem frutos.
A atividade findou com uma refeição onde reinou a boa disposição e a satisfação com o trabalho efetuado.


A Junta de Freguesia agradece a disponibilidade evidenciada pelos escuteiros da Guarda e deixa o desejo de todos puderem observar o plantio das árvores bem como agora o seu crescimento.